Quando publiquei que Lucas Esmeraldino poderia de repente receber um prêmio de consolação assumindo a Secretaria em Brasília , rapidamente me disseram que não passava de especulação infundada. Agora que comentei sua provável ida para a Casa Civil do governo Moisés , silêncio absoluto. Pois e, Esmeraldino que deixou a Câmara em Tubarão se prepara para ser uma das peças importantes da administração estadual, apesar de provocar alguns desconfortos internos. E tudo indica que as confirmações de nomes para o colegiado comecem a aparecer a partir de agora. Já era tempo. Sendo que há fortes indícios de que a Secretaria de Segurança seja extinta fortalecendo a função do Delegado Geral, primeiro nome oficial anunciado pelo comandante. De repente o que estamos presenciando não deixa de ser um estilo do futuro governador.