Delegados da Polícia Federal estão denunciando uma operação de desmonte promovida pelo Governo Federal ao cortar verbas orçamentárias e não atender reivindicações antigas de valorização da categoria. A tendência é prejudicar operações como a Zelotes e Lava Jato, já que o trabalho vinha sendo feito no limite. O Ministério da Justiça contesta as criticas e argumenta que não há perdas. Mas cá entre nós, a quem interessa reduzir o poder de ação da PF?