A ação da Polícia Federal, que mexeu com Florianópolis, colocou na pauta das discussões, mais uma vez, o financiamento de campanhas eleitorais. Está em debate o financiamento público, até para evitar ajudas subterrâneas visando compensações futuras. Uma tentativa de moralizar, pelo menos um pouco. A reforma política está na pauta e no desejo dos parlamentares. Eles pretendem iniciar as votações este mês, para que comece a valer em 2008.