O presidente da Fatma, Carlos Kreuz, vai criar na segunda-feira um conselho para avaliar e liberar licenças ambientais. Todas as solicitações, a partir de agora passarão por uma espécie de auditoria e o aval de vários técnicos. Além disto, por determinação do governador, o organismo manterá as portas abertas para investigações da Polícia Federal.