A Casan cumprindo com o seu dever de garantir o abastecimento de água em período de alto consumo, como ocorreu na segunda-feira de Carnaval. Tanto que o engenheiro Joel Horstmann, que comando a Operação Carnaval na Grande Florianópolis, comentou que nunca tinha visto tanto consumo de água na Capital. Claro que isso se deve as altas temperaturas e ao número considerável de turistas. Mas infelizmente também podemos registrar o desperdício. Ainda não possuímos a cultura de preservar e evitar jogar em excesso pelo ralo um bem precioso. Quanto ao atendimento vale registrar que a Casan investiu mais de R$ 60 milhões em 48 ações e obras para o verão, entre elas a implantação de um reservatório nos Ingleses.