Minha meta é em um ano transformar o Instituto de Educação numa referência. E vou conseguir, afirmou o secretário Paulo Bauer, propondo ser cobrado em 2007.