A crise ética no Congresso Nacional e a corrupção atingindo inclusive a Justiça foram sublinhadas pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Para a entidade, a desvalorização da dignidade humana e a falta de critérios evangélicos e éticos estão na raiz da banalização da vida. E a conseqüência natural é a crescente onda de criminalidade no país.