As vaias que a presidente Dilma recebeu quando anunciou a importância da reedição da CMPF na abertura dos trabalhos Legislativo no Congresso, foram rebatidas com veemência pelos defensores do governo, alegando que os deputados que puxaram as vaias pertencem a partidos que aumentaram o ICMs e o IPVA em 20 estados. Santa Catarina está fora desta lista. Os 16 parlamentares catarinenses podem com total razão criticarem mais um imposto a fim de cobrir a incompetência de gestão econômica deste governo.