O empresário curitibano Paulo Cordeiro, que muitos acreditavam que estaria na lista da Operação Moeda Verde, expressou sua indignação evidenciando que não investe já faz mais de um ano na Ilha. Considera a casa da mãe Joana. ?Falta autoridade, falta fidelidade, falta lealdade e respeito à hierarquia na Prefeitura e órgãos públicos e afins.? Elogiou o Costão, Jurerê e a Praia Brava que com o sucesso, cobrou, houve exagero na sua ocupação faltando fiscalização e planejamento. -E concluiu: ?A omissão dos poderes públicos em oferecer à sociedade um projeto viável de crescimento estratégico e sustentável leva a guerra de classes ora em exposição. Pode ter certeza, o empresário dança conforme a música, e paga o preço caro do julgamento popular nesses momentos, porém o desgoverno foi que levou a isso que estamos vendo.?