O homem forte da Gerdau, André Gerdau, que depôs ontem na Operação Zelotes, mas não falou nada, deixou para o advogado. É filho de Jorge Gerdau, considerado em 2014 o líder de melhor reputação no país, e que participou do governo Dilma como membro do Conselho Econômico. Esteve inclusive no Conselho da Petrobrás, presidido na época por Dilma Rousseff. Pois é, e empresa comandada por André Gerdau, que foi medalhista olímpico no hipismo, é suspeita de envolvimento em fraudes no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais. Coisa de R$ 1,5 bilhão. A sensação que passa diante dessas operações é de que a esperança venceu a impunidade.