Começa a 13h30 a costura definitiva da dívida dos estados com a União. O ministro Henrique Meirelles receberá governadores e secretários da fazenda para costurar um acordo, que será encaminhado ao presidente interino Michel Temer. Passo importante, que só terá efeito com uma moratória. Enquanto isso o STF aguarda uma definição para dai colocar as ações em julgamento.