Pela primeira vez o presidente Lula foi claro e objetivo sobre um terceiro mandato: ?Não serei candidato em 2010. Eu não brinco com democracia. Sou contra projetos neste sentido,? defendendo um mandato de cinco anos. Declarou que vai trabalhar para fazer seu sucessor, que pode sair do PT como de qualquer partido da coalizão. Quer subir em palanques.