Somos ricos em projetos e pobres em ações. Essa é a dura e verdadeira realidade. Sobram ideias engavetadas, como a urbanização da SC 401, visando uma cidade mais humana e desenvolvida. Por outro lado faltam gestores corajosos e eficientes, que se acomodaram no discurso e nos negócios de interesse próprio. # Que em 2016 as autoridades públicas pensem mais nas pessoas, não só em discursos, mas em ações práticas. Que se dediquem a realizar e não apenas prometer ou lamentar enumerando culpados.