Pois é, outubro, novembro e dezembro a arrecadação colocou o governo do Estado em alerta. Ficou abaixo do previsto confirmando momentos de crise. Agora em janeiro houve uma reação, mas pelo visto sazonal devido a chegada de turistas movimentando o verão em Santa Catarina. Pelo menos está ajudando….