Foi autorizado pelo juiz Zenildo Bodnar para que a delegada da Polícia Federal Julia Vergara forneça os documentos e CDs relativos à operação Moeda Verde à Comissão de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara de Vereadores. A bem da verdade o pedido foi feito pela própria delegada, que fala hoje na Câmara Municipal de Florianópolis. O Ministério Público de Santa Catarina também terá acesso aos documentos e CDs. O juiz deixa claro que as informações são protegidas por sigilo judicial e que não podem ser fornecidas a terceiros. Neste aspecto fica a dúvida principalmente em âmbito político onde interesses muitas vezes se sobrepõem a exigências legais.