Embora considerada positiva a audiência do governador Luiz Henrique com o ministro dos Transportes Alfredo do Nascimento os projetos continuam sendo uma promessa, mas pelo menos com boas perspectivas. As obras do contorno de Jaraguá do Sul dependem da aprovação do Congresso. A duplicação da BR 280 até o Porto São Francisco depende de licença ambiental, enquanto que a duplicação da BR 470 entre Timbó e Itajaí está no PAC devendo ir até Rio do Sul. E o contorno ferroviário de Joinville encerra a licitação na semana que vem. Tudo encaminhado no papel, na expectativa de ser ativado em breve.