Quem apareceu na Assembleia ontem foi o prefeito Udo Dohler. Tinha por objetivo roubar uns minutinhos de conversa com o governador Raimundo Colombo. Conseguiu, antes que ele fosse ao plenário ler a mensagem do Executivo na abertura dos trabalhos Legislativos em 2016. Dohler pediu que o governador intercedesse junto a Caixa Econômica para uma audiência em Brasília a fim de serem liberados R$ 110 milhões para obras de mobilidade em Joinville.