Já tem gente por aqui fazendo apostas de quantos votos o deputado Mauro Mariani conseguiriam disputando a ,liderança da bancada federal do PMDB. Alguns comentaram que de repente ele não pegaria nem os votos dos parlamentares catarinenses. Pois é, essas alfinetadas surgiram depois da noticia de que de repente numa estratégia do vice-presidente Michel Temer e do presidente da Câmara, Eduardo Cunha, o deputado Mauro Mariani, assim como Hugo Mota da Paraíba, seria incluído na lista dos que disputariam a liderança contra Picciani, que é sintonizado com o Planalto.