Esta sendo elaborada uma nota assinada pelos segmentos de juventude dos partidos que fazem parte da base do governo Dilma Rousseff. Nota em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O PP, que integra a base, não assinará o manifesto. O presidente da Juventude Progressista de Santa Catarina. Alexandre Braggio evidenciou que por unanimidade não será assinada a carta em defesa de Lula num momento em que o país está sendo passado a limpo e onde é necessária uma ampla investigação.