Passou pela Comissão de Assuntos Sociais do Senado o projeto que permite a cada trabalhador o direito em lei de não comparecer ao serviço um dia por ano para a realização de exame de detecção de câncer de mama, útero e próstata, claro que devidamente atestado pelo médico.