A persistência , competência, inteligência e marginalidade de Eduardo Cunha permitiram a votação do impeachment. Ele é o principal responsável por tudo que está acontecendo. Mesmo durante a votação quando bombardeado por muitos governistas manteve se frio e distante de qualquer reação, mesmo sendo chamado de corrupto e golpista.