O pedido do Ministério Público de novas diligências pela Polícia Federal para complementar as investigações referentes à Operação Ave de Rapina, relacionada ao projeto Cidade Limpa, criou um alvoroço na prefeitura da Capital. O MP busca provas da relação dos indiciados principalmente com o dono da Visual Brasil, Adriano Nunes. Na prefeitura as atenções estão na identificação, de repente, do sócio oculto de Nunes. Pelo menos por lá acreditam que exista esse sócio e suspeitam que possa ser um possível adversário do prefeito nas eleições do ano que vem. De repente estão apostando nessa nova fase, pois não querem confiar apenas nos votos para vencer…